Como Ingressar

1. A Policlínica Militar de Porto Alegre recebe currículos?

Não. O ingresso em organizações militares se dá apenas por meio de processo seletivo.

 

2. Como é o processo seletivo?

São dois os tipos de processo seletivo: concurso para ingresso nas escolas de formação militares (EsAEx, EsSEX, EsSA) e convocação anual para o Serviço Militar Temporário. Para saber mais informações sobre os concursos para ingresso nas escolas militares, você pode acessar os sites das escolas (abaixo). Já para obter mais informações sobre a convocação anual para Serviço Militar Temporário na região no Rio Grande do Sul (profissionais com curso superior ou técnicos), acesse o site do Serviço Militar da 3ª RM (http://www.sermil3rm.eb.mil.br).

  • · Escola de Administração do Exército (EsAEx): www.esaex.ensino.eb.mil.br
  • · Escola de Saúde do Exército (EsSEx): www.essex.ensino.eb.mil.br
  • · Escola de Sargentos da Armas (EsSA): www.essa.ensino.eb.mil.br

 

3. Onde posso obter mais informações sobre como ingressar no Exército Brasileiro?

Através do site do Exército Brasileiro, no endereço (http://www.exercito.gov.br/02ingr/ingressar.htm).

Lá estão todas as informações necessárias, com links para as escolas militares.

 

4. O que devo fazer para ingressar no Exército Brasileiro como temporário ou o que fazer para ingressar em Órgão de Formação de Oficiais da Reserva?

As informações sobre o ingresso na Força Terrestre na condição de Oficial Técnico Temporário (OTT) ou Sargento Técnico Temporário ( STT) na opção “Ingresse no Exército” deste site.

É importante ressaltar que o ingresso na condição de OTT e STT está condicionado às necessidades das Regiões Militares, de profissionais das áreas específicas.

Desse modo, é conveniente verificar na opção “Órgãos do Serviço Militar”, os endereços e telefones das Seções do Serviço Militar Regional (SSMR) à qual Região Militar sua cidade está vinculada.

 

5. Posso realizar o Estágio de Instrução e de Preparação para Oficial Temporário fora da área onde me formei?

Não. O Estágio é realizado pela Região Militar, responsável pelo órgão de Formação da Reserva, dentro de sua área de responsabilidade.

 

6. Como posso ser Oficial ou Sargento do Exército Brasileiro?

De acordo com idade e nível de escolaridade, existem várias opções para homens e mulheres ingressarem no Exército, seja como militar de carreira ou temporário.

Para o militar de carreira (Oficial ou Sargento), o ingresso só é possível mediante a aprovação em concurso público, de âmbito nacional, para uma das Escolas de Formação.

O militar, dessa forma, cria um vínculo com a Instituição, podendo deixá-la ao pedir transferência para a reserva remunerada, após o término do seu tempo de serviço.

O militar temporário (Oficial ou Sargento) permanece no Exército por um período de tempo delimitado, previamente informado.

Findo o limite do tempo de serviço, o militar passa para a reserva não remunerada. O ingresso é por meio de uma seleção conduzida pelas Regiões Militares, que estabelece o período e as vagas para cada área de interesse necessária.

 

7. Então, como ingressar em uma Escola Militar do Exército Brasileiro?

Este se realiza mediante concurso público que consta de prova intelectual, teste físico e exame médico.

As informações sobre o ingresso na Força Terrestre estão disponíveis no link opção “Ingresse no Exército”.

 

8. Quais áreas de interesse do Exército para ingresso de Sargento Temporário?

No momento as áreas de interesse da Instituição estão citadas a seguir. Contudo, pode ocorrer mudanças conforme a necessidade da Força.

a) Qualificação Militar de Subtenentes e Sargentos (QMS) de Saúde:

  • ·Operador de Raios-X.
  • ·Auxiliar de odontologia
  • ·Auxiliar de cirurgia
  • ·Protético
  • ·Auxiliar de enfermagem
  • ·Técnico em laboratório e farmácia
  • ·Técnico em inspeção de alimentos
  • ·Técnico de enfermagem.

b) QMS Material Bélico:

  • ·Mecânico de viatura automóvel
  • ·Mecânico eletricista de viatura automóvel
  • ·Torneiro mecânico
  • ·Mecânico de equipamento pesado de Terraplenagem
  • ·Técnico em metalurgia
  • ·Artífice de máquinas e ferramentas
  • ·Soldador
  • ·Lanterneiro (funileiro).

c) QMS Manutenção de Comunicações:

  • ·Mecânico de equipamento eletrônico
  • ·Técnico em manutenção de micros e periféricos
  • ·Técnico em eletrônica
  • ·Fotógrafo de laboratório
  • ·Técnico em manutenção e operação de equipamentos audiovisuais.

d) QMS Intendência:

  • ·Auxiliar de aprovisionamento
  • ·Armazenista
  • ·Técnico em administração de depósito
  • ·Técnico em contabilidade
  • ·Almoxarife.

e) QMS Engenharia:

  • ·Eletricista predial
  • ·Técnico de edificações
  • ·Desenhista projetista
  • ·Técnico em hidráulica (bombeiro hidráulico)
  • ·Técnico em manutenção de motores de popa
  • ·Operador de equipamento pesado.

f) QMS Topografia:

  • ·Topógrafo
  • ·Cartógrafo
  • ·Fotogrametrista.

g) QMS Músico h) Qualquer QMS Técnica:

  • ·Técnico de refrigeração
  • ·Técnico de artes gráficas (desenhista)
  • ·Programador
  • ·Secretário
  • ·Arquivista
  • ·Técnico de estatística.

 

9. O que é o Estágio de Serviço Técnico?

O Estágio de Serviço Técnico (EST) destina-se aos Oficiais da reserva (R/2), Aspirantes-a-Oficial R/2, aos reservistas de 1ª ou 2ª Categorias, aos dispensados de incorporação e às mulheres - que tenha menos de 38 anos de idade em 31 de dezembro do ano da incorporação - integrantes de categorias profissionais de nível superior de áreas de interesse do Exército, que irão preencher claros em cargos nas Organizações Militares.

A SELEÇÃO para o EST será realizada pelas Regiões Militares. A SELEÇÃO será feita com base em:

  • - Comprovação de habilitação/especialização para os cargos a desempenhar.
  • - Prova de Títulos.
  • - Exame de Saúde.
  • - Entrevista. O EST terá a duração de 12 meses e será dividido em duas fases:
    • 1ª FASE:a instrução técnico-militar, com duração de quarenta e cinco dias e realizada, obrigatoriamente para adaptar o convocado às normas e procedimentos da caserna.
    • 2ª FASE:destinada à aplicação de conhecimentos técnico-profissionais, realizada nas Organizações Militares para as quais foram convocados. Após a convocação por um período de doze meses, aos Oficiais Temporários do EST poderão ser concedidas, sucessivamente, prorrogações de doze meses cada uma.

      O tempo de serviço (Serviço Militar mais Serviço Público) do Oficial Temporário do EST não poderá exceder 7 anos.

 

10. Qual o período máximo de permanência do Oficial Temporário na ativa?

O Oficial Temporário de área técnica (EST), de saúde (MFDV) ou que esteja em corpo de tropa (oriundos de Centro ou Núcleo de Preparação de oficiais da reserva - CPOR / NPOR) poderá requerer anualmente a prorrogação do tempo de serviço por um período de até 7 anos.

A concessão ou não da prorrogação fica a critério da Organização Militar, em função do desempenho profissional do requerente e do interesse do Exército.

 

11. Onde posso me informar sobre os concursos abertos?

– Acesse o link do Site do Exército www.exercito.gov.br/07educult/educacao/infor.htm.

Mais informações sobre o ingresso no Exército, acesse http://www.exercito.gov.br/02ingr/ingressar.htm

Fonte: Extraído do Site do Exército Brasileiro (http://www.exercito.gov.br).

 

end faq